Sindicatos tentam evitar que reforma tire benefícios negociados em acordo